Leonice Martins: “Deus colocou um novo amor no meu coração!”

leo6

Com 14 anos de casada e um relacionamento estável e feliz, ela viu toda a sua vida ruir ao ter que enfrentar o divórcio.

Leonice Silva Martins e Raimundo Edson Martins se conheceram quando a família dele chegou de mudança no bairro onde ela morava. Ele não era evangélico, mas as famílias criaram um vínculo de amizade que resultou na ida de todos os familiares para a mesma igreja.

leo7
Após um período de namoro e noivado, Leonice e Edson se casaram no dia 30 de maio de 1983. Segundo Leonice, eles eram felizes e tinham uma linda família. “Nós tínhamos um apartamento muito bom, uma oficina mecânica bem equipada, tínhamos carros… e ele acabou com tudo por causa de outra mulher”.

A mulher morava na esquina da casa da mãe de Leonice. As duas haviam estudado juntas na época da adolescência. “O irmão dessa mulher foi trabalhar com ele e apresentou os dois. Daí para frente foi muito sofrimento na minha vida. Ela deixava retratos de motel, retratos dela dentro do carro pra eu ver… ela cresceu o olho em tudo o que nós tínhamos… E ele abandonou tudo e foi embora com ela para Minas Gerais. Um tempo depois, eles voltaram, sem nada. Até então, estávamos casados e fomos morar de aluguel”.

Cansada de tanto sofrimento, Leonice percebeu que era o momento de tomar uma atitude. “Eu orei e falei com o Senhor que eu precisava fazer algo. Nunca deixei de adorar o meu Deus. Chorando, sofrendo, mas pegava os meus filhos e ia adorar. Um fim de semana, peguei meus filhos e minhas coisas e fui para a casa da minha mãe. Depois, voltei a trabalhar, aluguei uma casa e fui morar com meus filhos. E continuei a fazer a Obra de Deus, porque amo Missões e procurei preencher meu tempo na Obra”.

leo11

Nesse período, Edson foi morar de vez com a outra mulher. Segundo Leonice, ele fez uma casa muito bonita e teve dois filhos com ela. “Ela engravidou enquanto ele ainda estava comigo… os filhos dela têm a mesma idade dos meus, porque quando ela sabia que eu estava grávida, ela engravidava também”. Com toda essa situação, Leonice pediu o divórcio. “Não por ele, mas eu queria estar certa diante de Deus”.

Leonice e Edson ficaram 17 anos separados, mas ela nunca deixou de acreditar que o Senhor poderia restaurar seu casamento e sua família. “Sempre acreditei que Deus iria cumprir suas promessas na minha vida. Uma vez, ele estava em Minas, e eu estava orando falando com Deus do meu sofrimento, e Deus falou comigo com uma voz de trovão. ‘Sou eu o Senhor teu Deus e vou restituir tudo que o diabo te tirou. Somente espere! ’ Desse dia em diante, tive ainda mais certeza de que o Senhor cumpriria suas promessas em minha vida”.

leo10

Já com o coração limpo de todo o ressentimento, Leonice continuou seguindo a vida e fazendo a Obra do Senhor! “Nós sempre nos falávamos por causa dos filhos. Deus já tinha limpado meu coração. Então, todo aquele ressentimento, Deus já tinha tirado. Eu convivia com ela nas festas dos netos, nos encontrávamos e eu sempre a tratei com educação”.

Há alguns anos, a mulher foi vitimada por um câncer. “Ele saía do hospital e passavam lá em casa para comer alguma coisa e eu sempre tratei os dois muito bem. Ela ficou doente por seis meses. Durante esse tempo, eu orei muito por ela também. Ela era uma mulher muito bonita, e foi essa beleza que o atraiu. No final, quando ela estava internada, a família dela queria que eu fosse ao hospital para que ela me pedisse perdão, mas eu não fui. Não senti essa necessidade, pois estava em paz. Já havia perdoado. Não tinha mais ressentimentos”.  A mulher morreu pouco tempo depois.

Depois que ela morreu, os outros filhos queriam tomar tudo o que ele tinha. “Mais uma vez, eu entrei na vida dele para ajudá-lo. Ele ficou sem lugar para morar e foi morar na minha casa. Um dia, chorando, ele me pediu perdão e perguntou se eu queria casar com ele novamente. Pensei que já não sentia mais nada por ele, mas Deus colocou um novo amor no meu coração!”.

leo2

Agora, a família está junta novamente. Leonice e Edson têm três filhos, sete netos e todos moram na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. “Meus filhos adoraram e minha família sabia que era Deus na minha vida. Hoje, estamos vivendo a glória da segunda casa. Tudo que o inimigo me roubou, o Senhor me deu em dobro. Moramos numa linda casa nossa onde cedemos um espaço para a nossa igreja, Resgatando Vidas, fazer um ponto de pregação. Ele teve um problema cardíaco e, mais uma vez, Deus entrou com o seu agir. Conseguimos com alguns amigos para que ele fosse levado para ser operado em um hospital na cidade de Friburgo, na Região Serrana do Rio, onde colocou quatro pontes de safena e uma mamária”.

leo5

Ao final dessa história, Leonice tem apenas uma certeza. “Devemos desfrutar cada minuto de vida que o Senhor nos dá, e nunca desistir da nossa família. Perseverar, lutar, crer e esperar no Senhor, porque Ele é fiel para cumprir tudo o que promete. Deus é Justiça! Hoje, estou vivendo o tempo de Deus na minha vida para a Sua Glória!”.


Por Sandra Freitas

2 Comments

Deixe seu comentário