Falta de água tratada impacta mulheres no Brasil

Nesta sexta-feira, 22 de março, é comemorado o Dia Mundial da Água. E uma iniciativa da BRK Ambiental, empresa privada de saneamento presente em mais de 180 municípios do país, em parceria com o Trata Brasil, retratou como é possível transformar a realidade de milhões de brasileiros com o acesso a água potável e o tratamento de esgoto.

O estudo “Saneamento e a Vida da Mulher Brasileira” aponta que uma em cada quatro mulheres não tem acesso adequado a água tratada, causando não apenas problemas de saúde e qualidade de vida, mas reforçando também a desigualdade de gênero em todo país.

Mulheres se afastam 3,5 dias por ano, em média, de atividades rotineiras por conta de diarreias causadas pela falta de saneamento básico. Outro dado impactante é que 1,5 milhão de mulheres não tem banheiro em casa e a renda delas é 73,5% menor em comparação às demais trabalhadoras. A infraestrutura sanitária tiraria 635 mil brasileiras da pobreza. Além disso, o acesso a este serviço poderia proporcionar um acréscimo de R$ 321 em média, à renda anual de cada uma dessas mulheres, injetando mais de R$ 12 bilhões ao ano à economia do país.

Comprometidos em reverter esse quadro, a BRK Ambiental é responsável por beneficiar mais de 15 milhões de pessoas em todo o país com serviços de água e do esgoto – uma forma de contribuir para uma sociedade mais igualitária.

“Temos um retrato evidente de como mulher brasileira é impactada diretamente com a falta de água tratada e esgotamento sanitário. Os danos provocados hoje serão refletidos nas gerações futuras ainda, aprofundando as desigualdades e a melhora de vida dessas famílias. A água tem o poder de transformar a realidade de milhares de pessoas, não apenas em relação ao meio ambiente e a saúde pública, mas impactando positivamente a situação socioeconômica do nosso país”, afirma Teresa Vernaglia, diretora-geral da BRK Ambiental.

Fonte: BRK Ambiental

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *