Elogiar faz bem, SIM! Saiba como incentivar seu filho

Elogios são ótimas formas de incentivos. Quando nos preocupamos com nossos filhos e os damos os parabéns por algo que tenham feito, eles se sentem valorizados e têm grandes melhoras em sua autoestima. Além disso, nós ajudamos a desenvolver a personalidade das crianças e, para isso, o amor deve ser um pilar básico.

No entanto, devemos saber a forma como elogiar essas crianças. A partir de certa idade, quando estão mais ‘crescidas’, elas não acreditam mais quando os pais falam que elas são as melhores.

De acordo com Jennifer Henderlong Corpus, Ph.D. e professora de psicologia da Reed College, nos Estados Unidos, os filhos começam a perceber do que são capazes, e qual o seu desempenho nisso, se comparam com os seus colegas, e percebem quando os elogios dos pais parecem verdadeiros.

Veja algumas formas de elogiar seu filho:

1. Foque na criança e em seu esforço. Se ela não foi a melhor na sala ou se sua nota não foi a mais alta ela não vai ligar já que você está valorizando sua melhora.

– Você melhorou muito em relação ao seu último projeto.
– Eu percebi que você se esforçou muito. Parabéns!
– Estudar está sendo ótimo para você. A cada dia você está melhor.
– Eu admiro muito sua disposição de tentar melhorar. Não desista!

2. Reconheça e faça a criança se sentir responsável por seus feitos. Isso a ajuda a desenvolver seu senso de realização.

– Você deveria orgulhar-se das suas notas.
– Você é um ótimo companheiro de equipe.
– Você é um bom exemplo para seus irmãos e amigos.

3. Agradeça e mostre que você tem sorte em ter seu filho em sua vida.

– Você me faz querer ser uma pessoa melhor.
– Obrigada por me ensinar algo novo.
– Estou muito contente que estejamos passando um tempo juntos.

4. Elogie qualidades que você considera importantes.

– Eu sou muito sortuda por ter um filho tão gentil.
– Você é um ótimo ouvinte.
– Você é muito confiável. Amo dividir meus segredos com você.
– Eu valorizo suas ideias.
– Você é muito honesto. Eu valorizo isso!

5. Valorize seu filho ser diferente dos outros e faça ele perceber que isso é bom.

– Eu te amo exatamente do jeito que você é.
– Você é único e não existe ninguém como você no mundo inteiro

Fonte: Revista Pais & Filhos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *